Entrar


Como se tornar um terapeuta holístico em 2020?

Pessoa estudando para se tornar terapeuta holístico no Brasil

Se você chegou até aqui, provavelmente tem curiosidade de saber como alguém pode se tornar um terapeuta holístico no Brasil. Talvez você esteja pensando em ajudar as pessoas que ama. Talvez esteja pensando em começar uma profissão que tenha mais a ver com você. Ou talvez tenha sido só o universo dando aquele empurrãozinho pra te ajudar a cumprir o seu propósito de vida.

De qualquer forma, ninguém se torna um terapeuta holístico apenas por um caminho. No Brasil, diversas terapias consideradas holísticas ainda não são regulamentadas. Outras, estão em processo de regulação.

Um dos casos mais conhecidos é a celeuma da Acupuntura: em setembro de 2019 foi aprovado pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania da Câmara dos Deputados um projeto de lei que regulamenta a profissão no país.

Mas dependendo de que tipo de terapia você esteja querendo praticar, o caminho pode ser bem diferente.

Procure um curso livre

Uma das possibilidades de ingresso em uma terapia holística é fazer um curso livre. Esses cursos, de acordo com a lei nº. 9394/96, o Decreto nº. 5.154/04 e a Deliberação CEE 14/97, não necessitam prévia autorização para funcionamento nem de posterior reconhecimento do Conselho de Educação competente. Cursos de Reiki e Shiatsu podem entrar nesta área.

Outras terapias são marcas registradas e precisam de uma autorização para serem exercidas. Geralmente, a autorização é fornecida após curso e certificação do profissional junto ao dono da marca. Esse é o caso do ThetaHealing, uma marca registrada para um processo meditativo criado em 1995 por Vianna Stibal.

Atuando em clínica

Assim, em alguns casos, um primeiro curso em uma determinada prática já dá ao profissional o direito de atuar em clínica, o que pode ser perigoso se o profissional não estiver devidamente preparado para a atuação clínica.

As práticas complementares devem ser enxergadas como auxiliares em um processo de cura. Profissionais qualificados entendem a importância de se trabalhar em conjunto com um médico, psicólogo etc. para cuidar do ser humano. Em alguns casos, pacientes abandonam o tratamento convencional, o que pode ser perigoso.

Atualmente, não há um órgão que certifique o trabalho do terapeuta holístico. Assim, o boca a boca acaba sendo o grande regulador desse sistema: bons profissionais recebem bons comentários dos pacientes.

Qual é o salário de um Terapeuta Holístico?

Em média, um Terapeuta Holístico trabalha 41 horas por semana e recebe cerca de R$ 1.700 de salário. Os dados foram coletados pelo site Salários.com.br a partir do pagamento de 120 terapeutas holísticos brasileiros durante o ano de 2019 e corresponde aos cargos de tecnólogos e técnicos em terapias complementares e estéticas.

No mesmo ano, houve queda de 66.67% nas contratações formais no comparativo entre os meses de Maio e Dezembro de 2019. Os dados se referem às contratações com carteira assinada em regime integral de trabalho.

Como posso provar que sou Terapeuta Holístico?

No Brasil, a profissão de Terapeuta Holístico não é regulamentada. Assim, surgiu a Associação Brasileira de Terapeutas Holísticos, a ABRATH, numa tentativa de formalizar o mercado e oferecer segurança para os pacientes.

Para “provar” que você é um Terapeuta Holístico, é possível se filiar à Associação. A filiação é necessária para obter um registro profissional, sendo que o terapeuta precisa ter suas técnicas holísticas comprovadas em certificado, com mínimo de 150 horas de educação.

O profissional recebe, em seguida, a carteira de associado. Esta carteira tem validade anual, sendo sua emissão vinculada  à filiação ou renovação da Habilitação Terapêutica do Terapeuta.

Quais entidades regulam a profissão de Terapeuta Holístico no Brasil?

Como explicamos antes, não existe um organismo regulador da entidade no Brasil até o momento. Porém, algumas associações como a a ABRATH e a SBHolos (Sociedade Brasileira de Holo-Sistêmica) desempenham o papel de representação da classe.

Existem, ainda, alguns órgãos regionais que representam os profissionais, como o SINDITH-DF (Sindicato de Terapeutas Holísticos do Distrito Federal) e o CRT (Conselho de Auto Regulamentação da Terapia Holística).

Quais as possibilidades de atuação?

O campo das terapias complementares e holísticas é extremamente extenso. Algumas disciplinas trabalham com uma abordagem mais esotérica, como o Reiki, enquanto outras são mais invasivas, como a acupuntura.

Para ter uma ideia das possibilidades de trabalho na área, veja algumas das especialidades ligadas às terapias integrativas.

Em resumo…

Concluindo, para se tornar um terapeuta holístico não há uma formação específica ou obrigatória.

Ainda não existe lei federal que regulamente o exercício de certas terapias complementares.

Porém, existem diversos cursos na área que habilitam o profissional a exercer. Se você é terapeuta, invista em cursos que deem segurança ao paciente. Se você é paciente, pergunte ao seu terapeuta como ele se prepara no dia-a-dia para atender e como se mantém atualizado.

 


Perder uma novidade? Nunca mais. Veja como:

📧 Gostou dessa informação? Inscreva-se em nossa newsletter, clicando aqui!

📢 Visite o fórum de perfumes Essencialia para falar sobre essa notícia!

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *